Portugal | Planícies | Évora | Montemor-o-Novo |
English | Español | Français | Texto | Fotos | Vídeos | Restaurantes

Montemor-o-Novo



(c) Filipe Moreira / Semantix

Escolha um concelho
Alandroal
Arraiolos
Borba
Estremoz
Évora
Montemor-o-Novo
Mora
Mourão
Portel
Redondo
Reguengos de Monsaraz
Vendas Novas
Viana do Alentejo
Vila Viçosa
| Hotéis (2) | Turismo no Espaço Rural (2) |



A vila de Montemor-o-Novo foi berço de São João de Deus, nascido em 1495 e fundador da Ordem dos Irmãos Hospitaleiros, que desde então prosseguiu a obra de cuidar dos doentes e dos mais necessitados.

O nome do santo foi dado ao largo onde se ergue a Igreja Matriz, do século XVII, que contém a pia baptismal onde João de Deus foi baptizado.

De resto, Montemor-o-Novo é um dos maiores concelhos do país, um importante centro de produção de cortiça, cereais, azeite, gado e vinho.

A vila foi fortificada pelos romanos e pelos mouros e depois reconquistada pelas forças cristãs no século XIII, mas do seu castelo no cimo da colina só restam ruínas.

Da presença árabe, o nome de um dos últimos príncipes ibéricos, Al-Mansur, é recordado no rio Almançor, que atravessa o concelho.

O antigo Convento de São Domingos aloja, agora, o Museu Arqueológico, com achados locais e também velhas alfaias agrícolas, e o chafariz da vila, trabalhado como um altar, merece igualmente ser admirado.

Em Santiago do Escoural, a primeira gruta com pinturas rupestres descoberta em Portugal (em 1963) exibe gravuras e pinturas do Paleolítico Superior.

O concelho de Montemor-o-Novo oferece ao visitante um artesanato tradicional de cestaria e trabalhos em couro e pele, além de uma especialidade local, o licor de poejo, planta aromática abundante na zona e muito apreciada na culinária.

| Hotéis (2) | Turismo no Espaço Rural (2) |

Mapas de cidades
Montemor-o-Novo

Mapa: Montemor-o-Novo
Google

© 1997-2018 Guia de Viagens Portugal Travel & Hotels Guide | Termos legais | Contacto