Portugal | Planícies | Évora | Estremoz |
English | Español | Français | Texto | Fotos | Vídeos | Restaurantes

Estremoz



(c) Filipe Moreira / Semantix

Escolha um concelho
Alandroal
Arraiolos
Borba
Estremoz
Évora
Montemor-o-Novo
Mora
Mourão
Portel
Redondo
Reguengos de Monsaraz
Vendas Novas
Viana do Alentejo
Vila Viçosa
| Pousadas (1) | Hotéis (2) | Estalagens e Albergarias (1) | Turismo no Espaço Rural (1) |



A cidade de Estremoz ergue-se no cimo de uma colina e está rodeada por dois conjuntos de muralhas: as primeiras foram construídas no século XIII em redor da vila velha, situada junto ao castelo, e uma segunda cintura de muros fortificados e baluartes foi erguida para proteger a parte baixa da localidade, que entretanto crescera, durante a Guerra da Restauração (1640-48).

A cidade é dominada pela torre de menagem, conhecida como Torre das Três Coroas, que se ergue a uma altura de 27 metros e foi construída em mármore, o «ouro branco» do Alentejo, utilizado desde o tempo dos romanos.

O paço real adjacente (agora transformado numa luxuosa pousada) foi mandado construir por Dom Dinis, por ocasião do seu noivado com Isabel de Aragão, e foi ali que a rainha morreu, em 1336, numa sala que seria transformada na Capela da Rainha Santa, decorada com azulejos que retratam a sua vida.

Estremoz tem muitos locais de interesse, como o Convento e Igreja de São Francisco (séculos XIV-XVIII), a Igreja de Santa Maria (século XVI) ou a antiga Câmara (Casa dos Paços da Audiência), entre outros monumentos, a par da Praça de Dom José I, com a fonte de pedra trabalhada no centro do imponente Lago do Gadanha.

A vila velha é um local encantador e pitoresco, com as suas ruelas estreitas e tortuosas e casario branco encimado por uma grande variedade de chaminés. Contudo, a «sala de visitas» da cidade é o grande largo do Rossio, onde se realiza um animado mercado semanal e onde o Museu Municipal exibe interessantes colecções, incluindo os famosos barros vermelhos de Estremoz, ricamente decorados com relevos e desenhos caprichosos.

Para além de ser tradicionalmente usado em púcaros que conservam a água fria, tem também servido para criar os «bonecos» de Estremoz, pequenas esculturas que representam uma enorme variedade de personagens, desde figuras do presépio a pastores, mulheres do povo, militares...

À mesa, o concelho oferece pratos típicos do Alentejo, como o ensopado de borrego ou os pézinhos de coentrada.

| Pousadas (1) | Hotéis (2) | Estalagens e Albergarias (1) | Turismo no Espaço Rural (1) |

Mapas de cidades
Estremoz, Estremoz: Centro

Mapa: Estremoz Mapa: Estremoz: Centro
Google

© 1997-2018 Guia de Viagens Portugal Travel & Hotels Guide | Termos legais | Contacto