Portugal | Montanhas | Guarda | Guarda |
English | Español | Français | Texto | Fotos | Vídeos | Restaurantes

Guarda



(c) Filipe Moreira / Semantix

Escolha um concelho
Aguiar da Beira
Almeida
Celorico da Beira
Figueira de Castelo Rodrigo
Fornos de Algodres
Gouveia
Guarda
Manteigas
Meda
Pinhel
Sabugal
Seia
Trancoso
Vila Nova de Foz Côa
| Hotéis (3) | Pensões e Residenciais (5) | Apartotéis (1) | Turismo no Espaço Rural (6) |



Erguendo-se num monte ermo do flanco nordeste da Serra da Estrela, a Guarda foi fundada em 1197 e é a cidade mais alta de Portugal, a 1056 metros de altitude. O nome vem do seu papel como guarda junto à fronteira e ainda mantém um aspecto algo austero e agreste.

A Sé em estilo gótico, semelhante a uma fortaleza, começou a ser construída em 1390 e só foi concluída em 1540; o interior, elegante e gracioso, contrasta com a fachada imponente, e o retábulo exibe cem figuras esculpidas da autoria de João de Ruão.

Outro monumento religioso que merece ser visitado é a Igreja da Misericórdia, do século XVII, com altares e púlpitos em estilo barroco.

No centro histórico da cidade, a Igreja de São Vicente exibe magníficos painéis de azulejos, representando a vida de Cristo, do século XVIII.

A Guarda teve outrora uma grande comunidade de judeus e alguns vestígios da sua presença ainda são visíveis.

O Museu Regional da Guarda exibe pinturas e achados arqueológicos, além de ter uma secção dedicada ao poeta Augusto Gil (1873-1929), nascido na cidade.

A pequena aldeia de Gonçalo é conhecida pelos seus tradicionais cestos de vime, e há belas quintas solarengas no vale em redor de Velas.

O clima no Inverno é frio e agreste e o concelho tem sido profundamente marcado pela emigração ao longo das últimas décadas.

| Hotéis (3) | Pensões e Residenciais (5) | Apartotéis (1) | Turismo no Espaço Rural (6) |

Mapas de cidades
Guarda, Guarda Centro

Mapa: Guarda Mapa: Guarda Centro
Google

© 1997-2018 Guia de Viagens Portugal Travel & Hotels Guide | Termos legais | Contacto